Oleo do cambio automático e a Degradação  dos aditivos.  Quais os motivos e consequências?



Os óleos têm um tempo de vida limitado, após 4 anos degradam e/ou tornam-se contaminados por vários fatores.


O pacote aditivo dos fluidos de cambio automatico consiste numa gama de vinte ou mais produtos químicos combinados com o material de base. A maioria dos aditivos é sacrificial por natureza, significando que são gastos durante a vida útil do óleo. À medida que o óleo é utilizado os aditivos esgotam-se e desativam-se e o óleo desgasta-se devendo ser trocado de imediato.


A degradação do óleo é uma teia complexa com muitos processos que ocorrem simultaneamente. Mesmo o melhor óleo, com o melhor equipamento, operando num ambiente ideal com práticas de manutenção perfeitas acabará por se degradar, desgastar e necessitará ser trocado como máximo 4 anos de uso.



Circunstancias Indicadoras da obrigatoriedade da necessidade de

troca de óleo de imediato.

  • Superaquecimento do motor por qualquer razão;

  • Uso do veiculo sem troca acima de 4 anos

  • Atolamento em barro ou areia por longo espaço de tempo, ou tração de peso considerável acima da capacidade de carga do veículo;

  • Contaminação do fluido com água ou qualquer liquido estranho ao fluído.ATF;

  • Presença de partículas solidas ou metal no óleo, mesmo que consideradas por desgaste natural.


  • Cisalhamento

  • Hidrólise

  • Oxidação

  • Degradação térmica

  • Lavagem por água

  • Desgaste de partículas

  • Adsorção de superfície

  • Contato por fricção

  • Sedimentação de condensação

  • Filtração